Vídeo: loja na Cracolândia é furtada pela 3ª vez em duas semanas

São Paulo – A loja que foi saqueada na Rua Santa Ifigênia, na região da Cracolândia, centro de São Paulo, no dia 27 de janeiro, foi alvo de dois novos ataques de criminosos nos últimos dias.

O proprietário do estabelecimento fechou a loja atacada no fim do mês passado, mas o escritório da empresa, localizado a 800 metros do local do primeiro crime, foi invadido nessa quinta-feira (8/2) e nessa sexta-feira (9/2).

As câmeras de segurança flagraram a ação dos criminosos. Um dos suspeitos escala a parede do prédio e sobe uma altura de aproximadamente 10 metros. Ele joga os equipamentos eletrônicos pela janela, que são recolhidos pelos comparsas, que usaram uma espécie de lona para amortecer a queda de uma televisão.

Foram levados dois computadores, dois notebooks e uma televisão, resultando em um prejuízo total de R$ 15 mil. O proprietário estima que, somados, os prejuízos já superam R$ 400 mil.

Segundo a Polícia Militar (PM), o caso foi registrado como furto a estabelecimento comercial.

Após 25 anos de trabalho na região da Santa Ifigênia, o comerciante José Carlos de Souza, 72 anos, afirmou estar revoltado com a falta de providências das autoridades na área da Cracolândia. Ele diz que, aos poucos, tem visto o próprio patrimônio ruir em virtude da .

“Acabei de vir do hospital porque, imagina você, uma situação dessa. Já estávamos numa situação financeira complicada. Fechamos três lojas, agora mais uma. Acabei de vir do hospital porque a pressão alterou. E talvez nossa maior revolta é com o poder público, que sabe o que está acontecendo, que é uma zona tomada pelos bandidos, mas não faz uma segurança, não faz o que deveria fazer”, disse para o portal g1.

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.