Veja quem são as vítimas da queda de helicóptero na capital paulista

São Paulo – A queda de helicóptero que ocorreu na tarde desta sexta-feira (17/3) na capital paulista deixou quatro mortos. As vítimas são o piloto João Intorne Neto e os passageiros Caio Lúcio de Benedetto Moreira, Antonio Cano dos Santos Júnior e Wellington Roberto Palhares.

Piloto da empresa Helimarte, João Intorne Neto tinha 32 anos, era do Rio de Janeiro, e conduzia a aeronave que saiu de uma marina no Guarujá, no litoral paulista, e deveria pousar no aeroporto Campo de Marte, na zona norte da cidade de São Paulo.

Já os três passageiros da aeronave eram amigos e foram almoçar juntos. Dois deles trabalhavam no Mirage Group Brasil, empresa de entretimento responsável pelo Circo Marcos Frota, Mirage Park e Mirage Circus.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
Publicidade do parceiro Metrópoles 4
Publicidade do parceiro Metrópoles 5
Publicidade do parceiro Metrópoles 6

0

Caio Lucio de Benedetto Moreira, de 30 anos, era coordenador de marketing do Mirage Group Brasil. Caio afirmava em seu perfil no Linkedin que era designer e arquiteto e que fazia trabalhos voluntários.

Antonio Cano dos Santos Junior, de 42 anos, era diretor administrativo e financeiro do Mirage Group Brasil.

A quarta vítima da tragédia é Wellington Roberto Palhares, de 28 anos, formado em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

O grupo pagou R$ 4,5 mil para fretar o helicóptero e almoçar no Porto Marina Asturias, no Guarujá. Os três passageiros morreram no local do , um terreno de uma fábrica têxtil desativada, localizada no bairro Barra Funda, zona oeste da capital paulista.

O helicóptero estava em situação regular e havia passado por vistoria há cerca de um mês. A causa do acidente é investigada e há suspeita de que a aeronave tenha sofrido uma pane.

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.