SBT vai à Justiça para tentar recuperar Show do Milhão: entenda

O SBT foi ao Superior Tribunal de Justiça para poder recuperar o direito de produzir novas temporadas do Show do Milhão, um dos realities de maior sucesso da emissora. O programa parou de ser exibido em 2021 por causa de acusações de plágio da Sony Pictures, dona da franquia Quem Quer Ser um Milionário.

De acordo com a Folha de S. Paulo, a empresa de Silvio Santos alega que apesar de ter alguma similaridade, o Show do Milhão é um programa original do SBT. A emissora também afirma que há diferenças suficientes entre os dois programas para descartar a ideia de plágio.

O SBT ainda afirma que a Sony está em conluio com a Globo para impedir a livre concorrência, uma vez que as duas empresas têm contrato desde 2017. Atualmente, o Quem Quer Ser um Milionário é exibido no Domingão com o Huck.

Já a Sony alega que o SBT faz um “aproveitamento parasitário” do formato, aproveitando a sua fórmula de sucesso. “Todo o conceito do programa é minuciosamente usurpado pelo SBT, desde a estrutura e a trama por trás da competição, até a aparência do programa”, diz o documento.


0

A empresa americana lembrou que, já em 1999, houve uma primeira disputa judicial em que ficou provado que o formato havia sido plagiado por Silvio Santos e pelo SBT. A Sony diz que a emissora brasileira usou de má-fé.

Como prova, alegam que o SBT registrou a marca Who Wants to Be a Millionaire?, nome original do programa, no Instituto Nacional da Propriedade Industrial. A marca foi recuperada pela Sony após ação na Justiça Federal.

 

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.