Megan Thee Stallion estreia ‘HISS’ em primeiro lugar na Billboard Hot 100: “Vamos manter o foco”, celebra

Megan Thee Stallion estreia com música solo em primeiro lugar na parada da Billboard Hot 100. A canção ‘HISS' foi lançada no dia 26 de janeiro e gerou muita polêmica envolvendo a Nicki Minaj – mesmo sem tê-la mencionado na letra. ‘Savage' com Beyoncé e ‘WAP' com Cardi B, integram os hits de Megan que já conquistaram o topo da parada musical mais concorrida do

“Vamos manter o foco, nos manter positivos e continuar a subir”, celebrou a rapper nas redes sociais, nesta segunda-feira (5), que segue sem responder as ofensas de Minaj.

Notícias Relacionadas


Desta forma, a cantora só tem divulgado boas notícias nos últimos dias. Na última sexta-feira, 2 de fevereiro, Megan anunciou que um acordo foi assinado com a Warner Music Group, em conjunto com a Roc Nation, que lhe permitirá permanecer uma artista independente com os benefícios de serviços de etiqueta.

A artista ainda anunciou no programa ‘Good Morning', que sairá em turnê neste verão, intitulada ‘The Hot Girl Summer Tour', além de lançar um novo álbum. ‘Cobra' e ‘HISS', as duas últimas faixas lançadas pela cantora, estão confirmadas na tracklist.

Entenda polêmica com a Nicki Minaj

Nicki Minaj lançou a música ‘Big Foot', no dia 29 de janeiro, com uma série de acusações e ofensas contra Megan Thee Stallion, envolvendo inclusive a mãe morta da artista e o tiro que ela levou do ex-namorado Tory Lanez em 2020. Isso ocorreu logo após Megan lançar a música ‘HISS', onde fãs especularam que um trecho seria sobre o marido de Minaj. “Essas vadias não ficam bravas com Megan, essas vadias bravas com a Lei de Megan”.

Nos Estados Unidos, a chamada Lei Megan exige que as autoridades tornem disponíveis para a população uma lista contendo o registro dos condenados por crimes sexuais. O marido de Nicki Minaj, Kenneth Petty, já foi condenado por agressão sexual no ano de 1994. Em 2022, após se mudar para a Califórnia, ele foi condenado mais uma vez por não se registrar na lista de agressores. Pela Lei Megan, todos aqueles que já cometeram um crime sexual devem se apresentar para registro nessa lista a cada vez que mudarem de estados.

Notícias Recentes




Comments


source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.