Maju Coutinho conta no ‘Fantástico’ a história do Ilê Aiyê, tradicional bloco baiano que completa 50 anos em 2024

Um dos blocos mais tradicionais da Bahia, o Ilê Aiyê está completando 50 anos em 2024. A apresentadora Maju Coutinho subiu a ladeira do Curuzu, no bairro da Liberdade, em Salvador, para contar que bloco é esse, criado no meio da Ditadura Militar, dentro de um terreiro de Candomblé, que o ‘Fantástico‘ mostra para você na noite deste domingo de Carnaval, 11 de fevereiro.

A apresentadora do ‘Fantástico' ainda entrevistou o Vovô do Ilê, uma das figuras mais importantes deste cortejo histórico, o primeiro de origem afro no Brasil, que teve forte influência dos “Panteras Negras“, grupo que lutava pelos direitos civis do negros nos Estados Unidos entre as décadas de 1960 e 1970.

Notícias Relacionadas


Foto: Globo/Daniel Targueta

“(No começo era tudo) Muito difícil, tudo muito indiscreto. O nosso cabelo era cortado na máquina a zero. Diziam que o cabelo era ruim e tinha de ser jogado fora”, recorda Vovô do Ilê.

“Foi de arrepiar o conhecer mais de perto o Ilê Aiyê. É o mais belo dos belos. É algo mágico. Eu fiquei extremamente grata por esse momento que o jornalismo me proporcionou”, ressalta Maju Coutinho, que na noite deste domingo, no ‘Show da Vida', ainda estará à frente de último episódio da Carnaval em Dois Atos“, na qual acompanhou por nove meses todos os processos de preparação das atuais escolas campeãs de Rio de Janeiro e São Paulo – Imperatriz Leopoldinense e Mocidade Alegre, respectivamente – na busca pelo bicampeonato.

Foto: Globo/Daniel Targueta

Notícias Recentes




Comments


source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.