Lula lamenta morte de ex-presidente chileno Sebastián Piñera em acidente aéreo

O presidente Lula lamentou pelas redes sociais a morte do ex-presidente do Chile Sebastián Piñera em um acidente aéreo, nesta terça-feira.

O helicóptero no qual estava o chileno caiu na localidade de Lago Ranco, 920 quilômetros ao sul de Santiago. Presidente por dois mandatos (de 2010 a 2014 e de 2018 a 2022), Piñera foi um dos fundadores do partido Renovação Nacional, uma das principais formações da direita tradicional do país.

“Surpreso e triste com a morte de Sebastián Piñera, ex-presidente do Chile. Convivemos, trabalhamos pelo fortalecimento da relação dos nossos países e sempre tivemos um bom diálogo, quando ambos éramos presidentes, e também quando não éramos. Muito triste seu falecimento de forma tão abrupta. Meus sentimentos aos seus familiares e amigos de Piñera por esta perda”, publicou o perfil de Lula no X, antigo Twitter.

Piñera era quem pilotava o helicóptero, de sua propriedade. A aeronave, um modelo Robinson 66, foi encontrada submersa pela Marinha a 40 metros de profundidade no lago. Bombeiros, Carabineiros e outras equipes participaram dos esforços de resgate.

Segundo a imprensa local, a família de Piñera tem uma propriedade em Bahía Coique, para onde viajam em todos os verões, sobrevoando o Lago Ranco. De acordo com a mídia chilena, a terça-feira foi chuvosa na região, com condições climáticas complexas. O incidente teria ocorrido por volta das 15h no horário local (o mesmo de Brasília).

Quem foi Piñera ?

Piñera nasceu em Santiago em 1º de dezembro de 1949, filho do ex-embaixador José Piñera Carvallo e Magdalena Echenique Rozas, e teve uma carreira de sucesso como empresário antes de entrar na . Casado com Cecilia Morel desde 1973, com quem teve quatro filhos, Piñera era engenheiro comercial formado pela Universidade Católica do Chile e pela Universidade Harvard, nos Estados Unidos.

Antes de ingressar na política, Piñera construiu uma carreira de sucesso como empresário, sendo um dos principais empreendedores do país. Ele foi fundador e principal acionista de várias empresas, incluindo a companhia aérea LAN Chile (atual Latam Airlines), o canal de televisão Chilevisión e Blanco y Negro, que administra o clube de futebol Colo-Colo.

Sua incursão na política começou nos anos 1980, quando se tornou senador independente após participar ativamente do plebiscito de 1988 contra a ditadura de Augusto Pinochet. Mais tarde, em 2005, foi candidato presidencial pela Renovação Nacional, perdendo para Michelle Bachelet nas eleições de 2006. Em 2010, liderando a centro-direita, foi eleito presidente, servindo até 2014. Em 2018, foi reeleito para um segundo mandato, encerrando em 2022.

Durante seus dois mandatos presidenciais, Piñera enfrentou uma série de desafios, incluindo protestos sociais massivos, escândalos de corrupção e crises econômicas. Sua administração foi marcada por iniciativas como reformas tributárias, investimentos em infraestrutura e esforços para impulsionar o crescimento econômico.


source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.