Menu

Mundo do Rap

Justiça espanhola ordena prisão preventiva de Daniel Alves sem direito a fiança

A esposa de Daniel Alves publicou uma mensagem de apoio ao jogador.

A Justiça espanhola determinou prisão preventiva e sem fiança para o jogador brasileiro Daniel Alves nesta sexta-feira (20) por conta de um processo que ele responde por suposta agressão sexual. O ex-lateral do Barcelona e convocado para a seleção na Copa do Catar de 2022, Daniel Alves, viajou para Barcelona nesse final de semana para prestar depoimento, mas acabou sendo detido. Ele foi levado ao tribunal que determinou a prisão preventiva do jogador sem direito a fiança.

A polícia disse que não poderia dar detalhes sobre o caso, mas a suposta vítima testemunhou na sexta-feira que Alves a apalpou e a estuprou em 30 de dezembro no Sutton, uma boate em Barcelona, revela o jornal La Vanguardia. Segundo o mesmo jornal,  jovem de 23 anos notificou os dirigentes da boate e eles acionaram a polícia. A polícia então transferiu a suposta vítima para o Hospital Clinic de Barcelona, ​​um hospital de referência para o tratamento de casos de abuso sexual. Dois dias após o suposto estupro, a jovem denunciou o ex-jogador às autoridades.

A mulher disse que contou à segurança o que havia acontecido e a polícia local foi informada e colheu depoimentos de testemunhas. O ex-zagueiro do Barça, Juventus e Paris Saint-Germain negou qualquer irregularidade em entrevista ao canal de televisão espanhol Antena 3 neste mês. “Eu gostaria de negar tudo, primeiro”, disse Alves. “Eu estava lá, naquele local, com mais gente, me divertindo. Todo sabe que eu adoro dançar. Me divertindo, mas sem invadir o espaço dos outro. Sinto muito, mas não sei quem é essa jovem, não sei quem é, nunca a vi na vida.” Disse Daniel Alves, que mais tarde foi desmentindo por um jornal, já que câmeras de seguranças flagraram o jogador indo atrás dela em um banheiro.

A esposa de Daniel, Joana Sanz , vem apoiando o marido no caso. Ela tem usado as suas redes sociais para apoiar o futebolista, que atravessa um dos momentos mais baixos da sua vida. “Juntos”, a mulher postou em seu perfil do Instagram com uma foto de suas mãos entrelaçadas. Joana também agradeceu a seus entes queridos e a pessoas anônimas que estão lhe dando apoio em um momento tão delicado como este. “Obrigado por tantas mensagens de apoio e sinais de carinho. Tenho me sentido muito envolvido neste início de ano sombrio. Voltarei como a fênix.”

Nesta reportagem foram utilizadas informações da Associated Press, agência de notícias Efe, e do jornal La Vanguardia.

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários