Alexa, da Amazon, irá ao espaço em missão da Nasa

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Edição do dispositivo Echo Dot flutuando no espaço

Echo Dot, o dispositivo da Alexa; assistente de voz da Amazon irá ao espaço (EXAME/Reprodução)

Um pequeno passo para a Alexa, um grande passo para Jeff Bezos? A famosa assistente de voz da Amazon será enviada ao espaço como parte da Artemis I, a primeira de muitas missões do programa de mesmo nome da Nasa (cujo qual o Brasil faz parte) que irá enviar a primeira mulher a primeira pessoa negra à Lua ainda nesta década.

De acordo com nota da Amazon, a Alexa se juntará a missão como parte da Callisto, uma “demonstração da tecnologia incorporada à espaçonave Orion”. A integração “ajudará os envolvidos a explorar como a tecnologia de voz e a inteligência artificial (IA) podem ajudar os astronautas em missões futuras”.

Relacionadas

A tecnologia foi construída em colaboração com engenheiros da Amazon e das empresas Lockheed Martin (aeroespacial) e Cisco (software).

Para quem tem o dispositivo em casa, a frase “Alexa, me leve para a Lua” já traz algumas informações sobre a missão prevista para acontecer entre março e abril de 2022. Mais informações e “experiências” devem ser lançadas junto com a missão.

Bezos versus Nasa

A novidade da Alexa na missão Artemis vem meses após Jeff Bezos ter processado a Nasa por ter perdido um contrato de 2,9 bilhões de dólares para a SpaceX, justamente na construção de um foguete para o programa Artemis. Bezos também é CEO da Blue Origin, companhia aeroespacial, e ‘compete’ com o bilionário Elon Musk.

Em julho de 2021, Bezos chegou a escrever uma carta aberta à Nasa oferecendo um desconto de 2 bilhões de dólares na construção de uma sonda lunar, após protocolar um protesto junto ao governo americano contra a decisão da Nasa de ter escolhido a empresa de Musk. Porém, algum tempo depois, o protesto da Blue Origin foi jogado para escanteio por uma agência reguladora federal.

O que é a missão Artemis I?

A missão Artemis I da Nasa, prevista para acontecer entre março e abril de 2022, será o primeiro teste do programa Artemis. Ela não será tripulada e tem como objetivo testar a espaçonave Orion, o foguete Space Launch System (SLS) e os sistemas terrestres do Kennedy Space Center, na Flórida.

A espaçonave irá lançar “o foguete mais poderoso do mundo” e viajará 450.000 quilômetros da Terra, indo além da Lua, ao longo de uma missão de quatro a seis semanas.

“A Orion ficará no espaço por mais tempo do que qualquer nave de astronautas ficou sem atracar em uma estação espacial e voltará para casa mais rápido e mais quente do que nunca”, afirma a Nasa em nota.

Fonte: exame.com

Veja também

Produtos