Abertas inscrições para Escola de Sinuca

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

A Federação Maranhense de Bilhar e Sinuca (FMBS) deu inicio a um projeto inédito, em São Luís, para iniciantes e intermediários que estejam interessados na prática de sinuca.

Abertas inscrições para Escola de Sinuca
Abertas inscrições para Escola de Sinuca

O projeto é a Escolinha de Sinuca, com sede instalada no Golden Shopping Calhau. “A sinuca do Maranhão tem crescido muito, e hoje é referência nacional, pela qualidade e organização dos eventos que realizamos em São Luís. Esse crescimento aumenta a nossa responsabilidade com a formação de novos atletas. A Escolinha de Sinuca é um passo importante e o primeiro que estamos dando no sentido de descobrir novos talentos maranhenses nesse esporte fascinante.” disse Lourival Bogéa, presidente da Federação Maranhense de Bilhar e Sinuca, sobre a importância do projeto para o estado do Maranhão

As inscrições poderão ser feitas até o dia 30 de outubro, no local ou pelos telefones (98272-4268, 99881-9642 e 99908-1155). O curso será ministrado pela campeã brasileira e tetracampeã paulista, Sílvia Taioli. As aulas começarão dia 1° de novembro.

Duas perguntas para Silvia Taioli

Silvia Taioli Cordeiro, paulistana, engenheira química por formação. Começou a jogar incentivada pelo meu pai, Sr. Cordeiro, também jornalista e apreciador do esporte. Campeã brasileira, tetra paulista, há 23 anos ministra cursos de sinuca, bem como workshops para altos executivos, CEOs e Presidentes de grandes empresas mundiais.  Foi comentarista dos canais da ESPN Internacional e a única árbitra feminina, formada pela CBBS, Confederação Brasileira de Bilhar e Sinuca, bem como árbitra internacional pela ISBF. Autora também do manual ‘Instrução Básica de Sinuca’, foi a única representante do Mundial de Pool 8 Ball, na China, em 2019, competição que reuniu 360 atletas provenientes de 64 países.

Qual a importância de ter Escolinha de Sinuca no Maranhão?

Fiquei muito feliz em ser escolhida pelo Sr. Lourival Bogea para instituir esse curso de sinuca no Maranhão, estado pioneiro no Brasil todo, que sempre promoveu o fomento desse esporte, reconhecido inclusive pelo COI, como olímpico. A escolinha visa formar novos atletas, já que comecei a dar aulas nos mais tradicionais clubes de SP, visando primordialmente o público feminino e infantil. Com o tempo, os homens que jogavam há anos, também me procuravam para aprimorar as técnicas e que queriam ter vitórias sobre seus oponentes, tornando seu jogo muito mais eficaz e prazeroso. E incluir as mulheres nesse último “reduto” masculino, para que elas, no mínimo, pudessem acompanhar essa evolução do esporte. E também tornarem -se campeãs. Na Grã-Bretanha toda, esse esporte é considerado nobre e os pais incentivam os filhos a participarem. Concentração, foco, destreza e respeito ao próximo são os principais atributos que esse jogo ensina.

Você é uma das maiores jogadoras de sinuca que existe, qual seria seu conselho para as pessoas que querem entrar neste esporte?

Além dos atributos acima que mencionei, em relação ao esporte, meu conselho é que participem! Idosos, por exemplo, muitas vezes esquecidos em seus lares, acabam encontrando uma família, onde passam a pertencer a um grupo, competindo e interagindo com outras pessoas. Isso só faz bem. Às crianças, ensinar o respeito e disciplina que o esporte carrega. Meu sonho é que essa escolinha seja permanente e que perdure por gerações. E que todos os estados do Brasil possam seguir essa iniciativa, como torna a dizer, pioneira do belo estado do Maranhão.

Fonte: oimparcial.com.br

Publicidade

SAIBA MAIS