Menu

Cotidiano & Variedades

Fotógrafo explora casa abandonada pertencente a uma família francesa que morreu em um acidente de carro na década de 1980

Uma família da França sofreu um terrível de carro na década de 1980 que matou um pai e seus dois filhos pequenos, sobrevivendo apenas a mãe. A dor da mãe era insuportável e ela ficou na grande casa da família sozinha por anos, rabiscando seus pensamentos e poemas nas paredes como forma de desabafo, até morrer.

Hoje, tudo permanece como se a família ainda morasse lá, e o fotógrafo e escritor Bryan Sansivero conseguiu mostrar, através de suas fotografias, como a residência se encontra.

“Esta casa é bem conhecida na França pelos exploradores urbanos. Há muito tempo que é assim. Este lugar me foi mostrado por um explorador francês que também é meu amigo. Normalmente, encontro casas abandonadas apenas dirigindo por certas áreas ou usando o Google Maps”, afirma o fotógrafo.

A mulher que sobreviveu ao acidente passou anos sozinha na casa, mas sua mental foi piorando aos poucos, até que ela foi internada e faleceu. As paredes da casa estão cobertas de poemas e pensamentos que ela escreveu para tentar lidar com a perda.

“Aqui não sinto solidão: quem sabe? Talvez eu não esteja realmente sozinha”. “Nas paredes a repintar; nas árvores ensolaradas; nos meus intensos 50 anos escrevo o teu nome.”

No andar superior há um quarto abandonado com duas camas, que provavelmente era das crianças.

Algumas roupas da família ainda estão penduradas nas paredes, como se a qualquer momento os moradores fossem voltar.

“Foi muito estranho fotografar a casa, bem como muito triste, especificamente ver os pertences das crianças e as fotos delas.”

Paredes da sala de jantar, onde a sobrevivente escrevia algumas coisas como forma de desabafo, afinal, não deve ser nada fácil lidar com tantas perdas.

“Há uma cama secreta atrás das paredes da sala de jantar. Adoro que cada imagem possa contar uma história por conta própria, mas uma série de fotografias é realmente como ler um livro. Eu amo o mistério e gosto de fazer os outros pensarem sobre o que está em uma determinada fotografia.”

O que sobrou do quarto de uma mulher que perdeu toda a família em um acidente de carro.

Alguns objetos abandonados em seu quarto.

Estas são as crianças que infelizmente morreram no acidente.

Banheiro da mulher sobrevivente:

Assim ficou a sala de estar, com um vazio inexplicável.

Cômoda com alguns pertences da família:

Os retratos ainda mostram alguns momentos dos moradores da casa.

A cozinha, com alguns utensílios intactos, como se ainda houvesse moradores na casa.

“Lugares abandonados e modelos para editoriais de moda foram as primeiras coisas que comecei a fotografar. Particularmente fotografando modelos em lugares abandonados. Ainda prefiro fotografar pessoas do que edifícios. Atualmente estou trabalhando em um livro de fotografia de lugares abandonados em toda a Europa. Portanto, há muito mais locais abandonados com muitas histórias diferentes por trás deles. Estou ansioso para compartilhá-los também!”

Fonte: Bored Panda

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários