Ex de Jenny Miranda, Fábio Gontijo expõe acordo de relacionamento fake

O fim de um casamento repleto de acusações de agressão e ameaças. Essa é a denúncia que Fábio Gontijo, ex-marido de Jenny Miranda, fez nos stories do Instagram, nesta quarta-feira (3/4). O dermatologista soltou o verbo na rede social, denunciou a influenciadora e ainda expôs que o relacionamento deles foi iniciado como uma mentira, para mudar o foco da treta entre Jenny e a filha, Bia Miranda, por conta do Adriano Imperador.

“Tô vindo falar com vocês porque nas últimas semanas, nos últimos dias, tem acontecido uma situação que tem me deixado extremamente perturbado, justamente pelo fato de que quando você casa com uma pessoa, acredita que ela vai ser sua companheira, vai ser a pessoa que você vai poder contar para o resto da sua vida, e é justamente a pessoa que compartilha com você os momentos de felicidade, de fragilidade, delicados. E eu fico muito triste quando vejo que esse laço se rompeu”, começou ele.

Em seguida, Fábio voltou a falar das agressões que teria sofrido: “Desde que aconteceu o término, eu tenho o máximo possível tentado amenizar situações, acalmar o outro lado, justamente porque eu não estava mais aguentado aquela situação de briga, agressões e tudo mais. Mas, infelizmente, apesar de eu ter feito de tudo, até aberto a minha casa e falado ‘olha, pode levar o que você quiser, até coisas que eram minhas, não tem problema nenhum. Só não quero discussão, não quero briga', a pessoa não para de me atormentar”, reclamou.

Logo depois, o médico falou sobre o rompimento: “E, agora, não sei o que está passando na cabeça, não sei se é pra ganhar hype, essa pessoa tem decidido me ameaçar. Tudo isso tem acontecido desde a época do término, em dezembro. Nessa época, eu lembro que terminei e não disse nada pra mídia sobre qual era o motivo real. Por fim, ela falou em stories que eu tinha traído ela, dizendo que o que ocasionou a briga foi uma senhora, de 60, 70 anos, que eu até tenho contato com ela, se for preciso ela pode falar com vocês, que veio me pedir um beijinho na bochecha. E nisso, a dita cuja deu um escândalo, me agrediu mais uma vez. E ela tem, desde então, me culpado pela imagem de agressividade dela e tem me ameaçado, falando que eu tenho que desmentir isso”, detalhou.

E continuou seu desabafo: “E agora ela deu pra me mandar mensagem dizendo que se eu não desmentir as agressões, que têm fotos, ela vai expor coisas do nosso relacionamento. Não tem como eu desmentir uma coisa que é fato. E aí ela tá começando a criar coisas e aumentar histórias. Então, para não ter disse me disse, conversa torta, eu tô aqui pra contar tudo o que aconteceu, justamente porque eu odeio esse tipo de situação. Eu não tenho rabo preso com ninguém, não preciso esconder nada de ninguém”, afirmou.

Foi nesse momento que Fábio Gontijo lembrou como foi o primeiro contato que teve com Jenny: “Jenifer me procurou no final de agosto e a situação era a seguinte: ela e a filha estavam em uma situação com o Adriano Imperador na qual Jenifer queria ficar com o Adriano Imperador, só que Bia foi lá e ficou com ele. Jenifer deu um surto e saiu na mídia que ela queria ficar com ele e não queria que a Bia ficasse com ele. Para apagar isso e desmentir, Jenifer me procurou e falou: ‘Fábio, tô com um problemão, você é meu amigo e espero que me ajude a resolver'. Falei ‘poxa, claro, pode vir pra cá'”, disse, antes de completar:

“Aí, ela veio pra Belo Horizonte com a proposta: ‘Seguinte: vamos falar que nós dois estamos namorando porque dessa forma a mídia não vai achar que eu tava querendo ficar com o Adriano Imperador e vai apagar toda essa história. Então, a gente vai falar que está namorando'. Falei ‘beleza, vou te ajudar, sem problema nenhum, podemos'”, relatou.

Mas, segundo ele, o que era mentira se tornou de verdade: “Já nos primeiros dias que ela chegou em Belo Horizonte, a gente já se envolveu mais sério. E ela sempre com essa ideia de que isso seria uma coisa bacana, inicialmente se fosse um relacionamento fake, pra desmentir a mentira dela, seria algo positivo, que mais pra frente a gente poderia entrar no Power Couple. Então, falei ‘tá bom, sem problemas'. A coisa se tornou real, realmente me apaixonei por ela. Acho, porque hoje tenho minhas dúvidas, que ela se envolveu também”.

O dermatologista deu mais detalhes sobre o envolvimento com a ex: “Mas o fato é que começamos a namorar, noivamos, casamos no civil, tivemos, julgo eu, uma vida legal, fui muito feliz e acredito que ela tenha sido, apesar das brigas que eu julgava que eram normais. Até o ponto que essas brigas começaram a tomar conta e o relacionamento virou só briga. A partir desse momento já não foi legal mais. Eu acho que a partir do momento que você ameaça a integridade física de uma pessoa, já não existe mais relacionamento”, disparou.

Ele seguiu se queixando do comportamento atual da influenciadora: “Então, é isso. Eu não sei porque cargas d'água essa pessoa está querendo vir agora colocar essa situação como se fosse uma arma para me ameaçar, sendo que a pessoa que tramou e começou esse planejamento foi ela. Isso só mostra um desespero desse outro lado aí porque, na verdade, eu acredito que quando cada um está seguindo seu caminho e tá lutando pelas suas coisas, a vida prospera”.

E mandou um recado direto para ela: “Agora, quando você está querendo prejudicar o outro, a partir do momento que vocês está empenhado em fazer mal pra outra pessoa, a sua vida não anda. Então, por que será, como você disse, a vida de todo está andando e a sua, não? Por que será que você vive me fazendo ameaças de coisas infundadas? Porque você não tem razão nenhuma e você sabe disso. E engraçado que você vem me ameaçar com mentiras, que eu sei que são mentiras e você está falando comigo”.

Fábio Gontijo relato que tem provas de tudo o que está falando: “Eu tenho todas as provas aqui. Nós temos amigos em comum que sabem desse início e sabem que isso se tornou, depois, um relacionamento. Então, querida, deixa eu te falar uma coisa: comigo não. Você pode manipular seu pessoal aí, mas eu você não vai manipular mais não. Já não bastou o período que a gente ficou junto, que eu sei de muita coisa, mas agora não mais. Você não vai fazer da minha vida um inferno como você está querendo, não”.

O ex-marido de Jenny ainda comentou que ela ameaçou expor que ele era viciado: “Pra terminar o circo de horrores. Esses dois são assuntos que, por mim, jamais teriam vindo à tona. Mas a partir do momento que a pessoa vem com esse comportamento subterrâneo, animal, que é depois pegar as intimidades de um casal e levar para a mídia de forma distorcida. Depois disso, a gente não espera mais nada da pessoa. Então, vou complementar que ela tem dito que vai expor que eu não sou um bom moço, era baladeiro, usava substâncias químicas e tudo mais”.

Na sequência, o médico assumiu que toma remédios controlados por conta de uma depressão: “É muito engraçado porque a pessoa ela usa de momentos de fragilidade que você passou para depois te ameaçar. Isso é muito sujo. E, mais uma vez, como eu não gosto de ter rabo preso com ninguém, estou vindo aqui dar satisfações a vocês. Teve um período, sim, que eu tive uma depressão muito grave, após a morte da minha mãe, tive momentos tanto de curtição, balada e aproveitar a vida, como tive momentos de tristeza. Foi um período muito difícil, que eu fiquei muito perdido, inclusive tomo esses antidepressivos desde quando ela faleceu”.

No fim, ele desabafou: “E, infelizmente, estou tendo que viver e reviver mais um deles, justamente vindo de uma pessoa que a gente jurou amor eterno. E mesmo tendo acabado o casamento por mim, a relação continuaria boa. Mas a pessoa insiste em infernizar e não deixar você em paz. A forma como ela escreveu, foi de uma maneira que ela queria dar print pra depois expor. Se ela acha que tá lidando com um imbecil, está enganada. Quero seguir a minha vida. Espero, de coração que ela siga a dela e me esqueça porque eu já esqueci. Eu quero, realmente, colocar um ponto final nessa história e nunca mais citar esse nome”, encerrou.

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.