Ex-chef revela o que a família real come na Páscoa; confira

Como as datas comemorativas são marcadas por tradições na família real, com a Páscoa não seria diferente. Apesar das comemorações mais discretas este ano, em razão dos últimos acontecimentos — anúncio do câncer do rei Charles III e da princesa de Gales, Kate Middleton —, o cardápio deve ser o mesmo de anos anteriores.

Em entrevista ao site Hello!, Darren McGrady, ex-chef real, compartilhou o que deve ser servido, na mesa da família real, na celebração de Páscoa neste domingo (31/3).

A família tem o costume de se reunir na casa de campo Sandringham Estate em Norfolk na data e deliciar um belo cordeiro, mas deve preferir comemorar com o máximo de discrição possível. “Iríamos direto para o prato principal — um tradicional cordeiro assado com vegetais da estação”, disse McGrady.

Cordeiro com legumes
Família real come cordeiro com legumes na Páscoa

O profissional em culinária também lembrou que a falecida rainha Elizabeth II tinha que ser a primeira a escolher a comida, porque preferia o corte de carne mais bem passado.

“Eles também tinham uma salada, servida em um prato em formato de rim, com um pouco de alface e pepino e um pouco de hortelã ou um pouco de cenoura ralada e coentro”, acrescentou.

Após o cordeiro, eles comem um segundo prato com queijo Windsor, feito na Windsor Dairy, acompanhado de frutas. “Os mais incríveis pêssegos brancos doces de Windsor também cresciam na propriedade na minha época. Teríamos que escondê-los na cozinha, porque todos queriam prová-los. A rainha sempre ansiava por eles, mas ela teria que esperar até que estivessem na temporada”, relembrou McGrady.

Os doces também não devem ficar de fora do cardápio da realeza durante o feriado, principalmente, chocolates. Elizabeth não dispensava a guloseima e as oferecia para as crianças — o príncipe George, a princesa Charlotte e o príncipe Louis, filhos de Willliam e Kate.

Compromissos de Páscoa

Apesar da família ter o costume de fazer e comer as mesmas coisas todos os anos, após o diagnóstico de câncer da princesa Kate Middleton e do rei Charles III, a celebração de Páscoa deve ser um pouco diferente. Inclusive, tem sido especulado que William, Kate e os filhos não comparecerão ao serviço de Páscoa da família real na Capela de São Jorge, no domingo.

A princesa de Gales compartilhou o diagnóstico de câncer em 22 de março e afirmou que começou a quimioterapia preventiva. O monarca revelou a doença no início de fevereiro e, apesar de ter se afastado das funções reais, apareceu em um discurso tocado no serviço religioso Royal Maundy na Catedral de Worcester, no Reino Unido, na última quinta-feira (28/3).

Para saber mais, siga o perfil de Vida&Estilo no Instagram

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.