Estátua de Sojourner Truth é inaugurada no mesmo lugar onde ela fez icônico discurso de 1851, “Não sou eu uma mulher?”

Estátua de Sojourner Truth é inaugurada no mesmo lugar onde ela fez icônico discurso de 1851, “Não sou eu uma mulher?”
Foto: Assoaciated Press

No dia 29 de maio, a cidade de Akron, em Ohio, ganhou uma nova praça onde foi instalada uma estátua da abolicionista Sojourner Truth, que fez o icônico discurso “Ain't I a Woman?” (ou “Não sou eu uma mulher?”), em 1851. O local, onde ficava a Universalist Old Stone Church, é o mesmo lugar onde aconteceu o discurso de Sojourner, durante a Convenção dos Direitos das Mulheres de Ohio.

A Sojourner Truth Legacy Plaza substitui o antigo local da igreja. A estátua foi esculpida pelo artista Woodrow Nash, um homem negro nascido em Akron, Ohio. A estátua retrata Truth segurando um livro, simbolizando sua alfabetização e defesa. Ela está sobre uma lírio-impala, flor nacional de Gana, homenageando a herança paterna de Truth.

Notícias Relacionadas


Foto: Biblioteca da Sociedade Histórica de Nova York.

Sojourner Truth foi uma mulher influente na luta abolicionista e pioneira dos direitos das mulheres em um período em que nem mesmo as mulheres brancas podiam votar. Ela nasceu na cidade de Isabella Bomfree no Vale do Hudson, por volta de 1797. Anteriormente escravizada, conquistou sua liberdade em 1826. O discurso feito durante a Convenção dos Direitos das Mulheres de Ohio, em 1851, questionava os presentes sobre sua humanidade e a de outros afro-americanos escravizados que não eram reconhecidas como iguais aos americanos brancos e tinham sua humanidade negada.

“Aquele homem ali diz que é preciso ajudar as mulheres a subir numa carruagem, é preciso carregar elas quando atravessam um lamaçal e elas devem ocupar sempre os melhores lugares. Nunca ninguém me ajuda a subir numa carruagem, a passar por cima da lama ou me cede o melhor lugar! E não sou uma mulher? Olhem para mim! Olhem para meu braço! Eu capinei, eu plantei juntei palha nos celeiros e homem nenhum conseguiu me superar! E não sou uma mulher? Eu consegui trabalhar e comer tanto quanto um homem – quando tinha o que comer – e também aguentei as chicotadas! E não sou mulher? Pari cinco filhos e a maioria deles foi vendida como escravos. Quando manifestei minha dor de mãe, ninguém, a não ser Jesus, me ouviu! E não sou uma mulher?”, disse ela durante o discurso que se tornou marcante.

A inauguração da integra o esforço de honrar o legado de Sojourner Truth. Estátuas dela foram erguidas no Central Park de Nova York e em Angola, Indiana, além de locais onde ela fez discursos significativos.

Notícias Recentes




Comments


source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.