Menu

Esportes

Daniel Alves é detido por suspeita de agressão sexual

O jogador de futebol Daniel Alves foi preso em Barcelona, na manhã desta sexta-feira (19). O ex-jogador do FC Barcelona estava na Espanha e se entregou voluntariamente em uma delegacia de polícia. O brasileiro responde por um suposto abuso sexual. As informações são da Agência France-Presse.

“Está detido”, disse a polícia local sobre o jogador. Neste momento, Dani Alves está sendo transferido para os tribunais para que seja feito um depoimento sobre esta suposta agressão sexual contra uma mulher em uma boate de Barcelona no final de dezembro de 2022, detalhou uma fonte da polícia catalã.

Dani Alves, de 39 anos, se dirigiu à delegacia de Les Corts, situada perto do estádio Camp Nou, após receber uma intimação da polícia. Ele foi detido na sequência.

Em 2 de janeiro, uma mulher registrou um boletim de ocorrência em que afirmava ter sofrido toques indesejados do jogador. Os fatos teriam ocorrido em uma boate de Barcelona na noite de 30 para 31 de dezembro, segundo a imprensa local.

Alves estava de férias na cidade, antes de voltar para o Pumas, do México, após disputar a Copa do no Catar com a seleção brasileira, derrotada nas quartas de final.

Em uma mensagem transmitida ao canal Antena 3, em 5 de Janeiro, Alves confirmou que estava na boate “se divertindo”, mas “invadir o espaço dos outros”. Ele negou os acusações de assédio sexual. “Não a conheço, nunca a vi”, disse ele sobre a denunciante.

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários