Com valorização de talentos negros e indígenas, Prêmio Gastronomia Preta abre inscrições para edição 2024

Estão abertas as inscrições para a terceira edição do Prêmio Gastronomia Preta 2024. Neste ano, a chef Aline Guedes, o chef Moacir e o chef Paulo Rocha, compõem o time de embaixadores. As indicações serão aceitas até o dia 30 de abril e a grande premiação será realizada no dia 30 de novembro. 

Neste ano, as categorias estão divididas em três dimensões: Cozinha, Salão e Diversos. O público poderá indicar profissionais como Chef, Auxiliar de Cozinha, Merendeiro, Confeiteiro, Bartender, Sommelier, Empreendedor, Melhor Restaurante, e afins. Podem participar do prêmio: pessoas pretas, pardas ou indígenas de qualquer lugar do Brasil que trabalhe direta ou indiretamente no ramo de Alimentos e Bebidas e que se encaixe em alguma das categorias. Veja aqui!

Notícias Relacionadas


Criado por Breno Cruz, professor de Gestão de Serviços na Gastronomia e também idealizador do Festival Gastronomia Preta, ele conta a importância de iniciativas como essas que valorizam os profissionais negros. “Nosso povo precisa e quer o reconhecimento na Gastronomia – por isso, o Prêmio Gastronomia Preta se torna tão importante para a gastronomia. Não estamos sozinhos e podemos dividir o bolo. É muito importante que iniciativas como o Guia Black [Chefs] e outras possam surgir de maneira a evidenciar e jogar luz para os nossos que ainda estão invisibilizados”, diz se referindo também ao projeto do Site Negro.

“Nosso movimento é potente e tem gerado transformações. O último vídeo da Embratur [Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo] para vender o Brasil como destino gastronômico no exterior pela primeira vez foi afrocentrado. São muitas vitórias que merecem serem celebradas por todos nós”, celebra.

Neste ano, o tema do Prêmio é Meu Cabelo Tem História! Segundo a organização no texto do edital, “a escolha deste tema para a edição de 2024 tem um porquê: muitas mulheres pretas e pardas no decorrer de suas trajetórias profissionais sofreram com o racismo na Gastronomia em função de seus cabelos. Homens também foram impactados pelo padrão da beleza internacional. Trazer esse tema para o Prêmio Gastronomia Preta é reforçar nossa ancestralidade e o nosso orgulho em sermos quem somos com o nosso cabelo”.

Clique aqui para ver o edital completo da premiação!

Notícias Recentes




Comments


source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.