Menu

Notícias

Caso Daniel Alves: mulher diz à juíza que não quer ser indenizada

A jovem espanhola que acusa Daniel Alves de estupro afirmou à juíza responsável pelo caso que não deseja ser indenizada. A informação foi publicada pelo El País.

Segundo depoimento, a mulher afirma que faz parte de uma família com dinheiro e que deseja que a justiça seja feita, sem ganho financeiro.

A vítima relatou à Justiça que ela e Daniel Alves dançaram juntos em uma boate. O jogador levava mão dela ao seu pênis em diversos momentos, até que ela se retirou assustada. Por volta das 4h30 da madrugada, Daniel pediu para que ela o seguisse até uma porta.

A mulher foi levada até um banheiro, tentou sair, mas Daniel não a permitiu. Segundo ela, foi ali que o jogador a penetrou de forma violenta até ejacular.

Em depoimento para a Justiça, Daniel Alves apresentou três versões diferentes. Primeiro, ele afirmou que estava no banheiro quando a mulher entrou e que não houve qualquer contato entre eles. Depois, afirmou que não soube o que fazer quando houve contato. Por último, admitiu que teve relações sexuais com a jovem, mas que foi consensual.

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários