Banco do Nordeste bate aplicação recorde de R$ 6,5 bilhões em investimentos no Maranhão

O Banco do Nordeste se consolida cada vez mais como o banco favorito dos empresários maranhenses. A instituição financeira registrou a marca de R$ 6,5 bilhões em apoio ao desenvolvimento de empreendimentos no Estado, de todos os segmentos e portes produtivos, além de impulsionar a geração de mais de 260 mil empregos. O volume histórico de investimentos em 2023 foi anunciado durante Encontro com a Imprensa, realizado nesta terça-feira (06).

O montante é 21% maior do que foi aplicado em 2022, quando foram contratados R$ 5,3 bilhões. O superintendente estadual do Maranhão, Isaque Nascimento, explica que a marca recorde de investimentos na economia maranhense aponta para apoio tanto a projetos de grande impacto estrutural e benefícios públicos quanto àqueles destinados a segmentos prioritários.

“Registramos importante crescimento de aplicações em setores como infraestrutura, o microcrédito e a agricultura familiar, todos, em suas perspectivas, de grande impacto na geração de benefícios econômicos e sociais, revelando a atuação do Banco do Nordeste em prol do desenvolvimento do Maranhão”, assegurou.

Somente com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), foram investidos na economia maranhense R$ 4,8 bilhões até dezembro passado, alta de 36% na comparação com os R$ 3,5 bilhões realizados em 2022.

Nos últimos doze meses, o BNB aplicou cerca de R$ 2 bilhões com o microcrédito produtivo do Maranhão, tanto urbano quanto rural. Já para o setor de infraestrutura, com projetos estruturantes para a população maranhense, foram destinados R$ 660 milhões em 2023.

Além de apresentar os principais resultados da atuação da empresa em 2023, a instituição financeira também aproveitou para promover a edição 2024 do Prêmio Banco do Nordeste de Jornalismo.

O Banco do Nordeste atende todos os 217 municípios maranhenses, com a manutenção de 29 agências bancárias, além de 46 unidades do Crediamigo e 23 unidades do Agroamigo.

 

source

Outras notícias

Saiba mais

Comentários

.